terça-feira, 1 de novembro de 2016

Definir objectivos



"Prioridades e objectivos claramente definidos para todos os aspectos da tua vida desempenharão um papel semelhante ao do farol, dando-te orientação e um porto de abrigo quando o mar está revolto.
Robin Sharma, O monge que vendeu o seu Ferrari 


Costumo revelar o hábito que vou praticar uns dias antes do início do mês, para que quem quiser acompanhar-me se possa preparar. Mas, estava com dificuldade em decidir praticar este hábito. Na verdade, desde que iniciei o meu crescimento interior que andava desejosa e receosa, ao mesmo tempo, para praticar isto. Desejosa porque tenho a necessidade de definir prioridades e objectivos para me poder focar e não andar dispersa a querer fazer tudo. Receosa porque acho sempre que ainda não estou preparada, porque ainda quero ler alguns livros sobre este assunto, para me preparar melhor. 
Cheguei à conclusão que ando a empurrar com a barriga, a arranjar desculpas para procrastinar. E decidi que Novembro vai ser o mês em que vou, finalmente, definir objectivos. 

Na minha vida profissional já trabalhei por objectivos durante vários anos e tornei-me bastante boa a fazê-lo. No entanto, a minha experiência com definir objectivos e atingi-los na minha vida pessoal é quase inexistente. Até aqui limitei-me a algumas resoluções e desejos de ano novo.

Não sei se vos acontece o mesmo, mas eu estou sempre a fazer coisas, a realizar tarefas, a pôr projectos em prática e quero fazer tudo e não consigo, claro, e sinto-me frustrada. O objectivo é deixar de fazer as coisas aleatoriamente ao definir prioridades e objectivos claros e consistentes com a pessoa que somos, em todas as áreas da nossa vida.



 Como vou praticar o hábito de definir objectivos?





Conto com a vossa companhia para definir objectivos?



Sem comentários:

Enviar um comentário